banner - SBPC 2022
Voltar

DARCY RIBEIRO E AS UNIVERSIDADES

Tipo:

Mesa-redonda

Categoria:

SBPC Educação

Local:

ICC - Anfiteatro 12

Data e hora:

16:00 até 18:30 em 26/07/2022

video-thumbnail

Pessoas


Adelia Maria Miglievich Ribeiro

Adelia Maria Miglievich Ribeiro

Universidade Federal do Espírito Santo

Mestre e Doutora em Sociologia, respectivamente, pelo antigo Iuperj (1994) e pelo IFCS-UFRJ (2000). De 2001 a 2009, foi Professora Associada da Universidade Estadual do Norte Fluminense (Uenf) e nela atuou, por oito anos, como docente permanente do PPG em Políticas Sociais. Ingressou, em 2009, no Departamento de Ciências Sociais da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), onde é, também, docente permanente no PPG de Ciências Sociais, cabendo registrar seus 10 anos no PPG de Letras, vínculo encerrado em 2020. Ocupou a Cátedra Darcy Ribeiro (Ipea-Capes). Realizou seu pós-doutorado sênior (PDS-Faperj) no ProPEd-Uerj, com trabalho de campo em Lima, Peru, e o segundo pós-doutoramento no PPGSol-UnB, vinculada, então, ao Laboratório de Sociologia Não-exemplar. Lidera, na Ufes, o Núcleo de Estudos em Transculturação, Identidade e Reconhecimento (Netir), em parceria com a Universitá Ca' Foscari di Venezia. É co-líder do Grupo de Pesquisa Emancipação e Cidadania (PUC-RS), dentre outras inserções. Dedica-se às teorias sociais, à sociologia dos intelectuais, ao pensamento social e às epistemologias pós(de)coloniais. Publicou o livro Heloísa Alberto Torres e Marina de Vasconcelos: pioneiras na formação das ciências sociais cariocas (EDUFRJ). Coorganizou coletâneas como A modernidade como desafio teórico: ensaios sobre o pensamento social alemão (Ed. Pucrs), Crítica pós-colonial: panorama de leituras contemporâneas (Faperj; 7Letras) e O espaço do sociólogo: um balanço de trinta anos (Edufes). Escreve regularmente capítulos, dossiês e artigos em obras coletivas e revistas científicas. PQ-CNPq com o atual projeto ?Pós(de)colonial, feminismos subalternos e política ontológica: intervenções epistêmicas na teoria social?.

Márcia Abrahão Moura

Universidade de Brasília

Possui Graduação (1986), Mestrado (1993) e Doutorado em Geologia pela Universidade de Brasília, com período sanduíche na Université d'Orleans e BRGM (Orleáns, França). Fez Pós-Doutorado na Queen´s University, Canadá (2003-2004). É professora Titular da Universidade de Brasília. Tem experiência na área de granitos e mineralizações associadas, em depósitos do Brasil, Cuba, Peru e Colômbia. Atua principalmente nos seguintes temas: metalogenia, hidrotermalismo, inclusões fluidas, isótopos estáveis, petrologia e mineralogia. Possui também experiência em gestão universitária, com publicações na área. Foi sub-chefe do departamento de Mineralogia e Petrologia, coordenadora do curso de graduação em geologia da UnB, coordenadora de extensão e Vice-Diretora do Instituto de Geociências. Exerceu a função de Decana (Pro-Reitora) de Ensino de Graduação da UnB de abril/2008 a dezembro/2011 e de Diretora do Instituto de Geociências da UnB de fev/2014 a nov/2016. Reitora da UnB desde 24/11/2016.