banner - SBPC 2022
Voltar

O PAPEL DA INOVAÇÃO NAS UNIVERSIDADES BRASILEIRAS

Tipo:

Mesa-redonda

Categoria:

SBPC Inovação

Local:

ICC - Anfiteatro 17

Data e hora:

19:00 até 21:30 em 29/07/2022

APESAR DOS CONCEITOS DE HÉLICE TRÍPLICE E QUADRUPLA SEREM AMPLAMENTE DIFUNDIDOS, E DE HAVER RELATOS CIENTÍFICOS DE ÊXITO NOS ASPECTOS DE ENSINO E PESQUISA QUANDO A INOVAÇÃO OCORRE NAS UNIVERSIDADES, NÃO HÁ UM DIRECIONAMENTO DAS UNIVERSIDADES PARA INCORPORAR A INOVAÇÃO E O EMPREENDEDORISMO COMO ELEMENTOS DIFERENCIAIS DE SUA INSERÇÃO SOCIAL. NÃO ESTARIA NA HORA DE A UNIVERSIDADE BRASILEIRA RESIGNIFICAR O CONCEITO DE EXTENSÃO PARA INCORPORAR A CRIAÇÃO DE EMPRESAS INOVADORAS COMO ELEMENTO FUNDAMENTAL DE SUA PARTICIPAÇÃO SOCIAL?

Pessoas


Jorge Luis Nicolas Audy

Jorge Luis Nicolas Audy

Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul

Possui Graduação em Análise de Sistemas de Informação pela PUCRS (1983), Mestrado na área de Sistemas de Informação pela UFRGS (1990), Especialização em Gestão de Artes e Tecnologias Multimídia pela PUC Rio de Janeiro e IBM (1992) e Doutorado na área de Sistemas de Informação pela UFRGS (2001), com Pós Doutorado na IASP (Associação Internacional de Parques Científicos e Áreas de Inovação), na Tsinghua University, China e Universidade de Málaga, Espanha (2016), com bolsa de Pós-Doutoradp CAPES, Edital PCTI. É Professor Titular da Escola Politécnica e Superintendente de Inovação e Desenvolvimento da PUCRS. Pesquisador nas áreas de Engenharia de Software, Sistemas de Informação e Gerência de Projetos. Tem experiência em Gestão de Ciência, Tecnologia & Inovação (C,T&I), nas áreas de Inovação Tecnológica, Ambientes de Inovação (Parques Científicos e Tecnológicos) e Interação Universidade, Empresa & Governo. Coordena a Comissão Nacional de Acompanhamento do PNPG ? Plano Nacional de Pós-Graduação, é membro do Conselho Superior da EMBRAPII (MCTI), do Conselho Deliberativo Nacional do SEBRAE, do Conselho Diretor do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT) do MCTIC, do Conselho Superior de Ciência, Tecnologia e Inovação do RS e do Conselho Consultivo da FINEP (CTS ? Fomento).

Vanderlei Salvador Bagnato

Universidade de São Paulo

Vanderlei Salvador Bagnato concluiu simultaneamente Bacharelado em Física - USP, e Engenharia de Materiais - UFSCar em 1981 e realizou o doutorado em Física - Massachusetts Institute of Technology - MIT em 1987. Atualmente é professor titular da Universidade de São Paulo, e diretor do Instituto de Física de São Carlos. Publicou cerca de 700 artigos em periódicos especializado. Possui 29 capítulos de livros e 7 livros publicados. Orientou mais de 100 teses entre mestrado e doutorado, nas áreas de Física, Odontologia e Medicina. Recebeu diversos prêmios e homenagens. Atua na área de Física Atômica e Aplicações da Óptica nas Ciências da Saúde. Trabalha com átomos frios , Condensados de Bose-Einstein e ações fotodinâmicas em câncer e controle microbiológico. É membro da Academia Brasileira de Ciências, The Academy of Sciences for the Developing World, da Academia Pontifícia de Ciências do Vaticano, e da National Academy of Sciences (USA). Coordena um Centro de Pesquisa, no qual ciências básicas e aplicadas convivem em harmonia. Realiza diversas atividades de Inovação Tecnológica e difusão de ciências.

Carla Ten Caten

Carla Ten Caten

Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Possui Pós-doutorado (2020) pela University of Southern Califórnia (USC) nos EUA, Pós-doutorado (2002) pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS, Doutorado em Engenharia de Materiais (1999) pelo PPGE3M/UFRGS, Mestrado em Engenharia de Produção (1995) pelo PPGEP/UFRGS, Graduação em Engenharia Civil (1992) pela UFRGS e Graduação em Educação Física (1989) pelo Instituto Metodista de Porto Alegre-IPA (1989), Porto Alegre, RS. É Professora titular da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e atualmente é diretora da Escola de Engenharia da UFRGS (2020-atual), diretora da Incubadora Tecnológica Hestia (2013-atual), coordenadora do LIFEE-Laboratorio de Inovação e Fabricação Digital da Escola de Engenharia (2013-atual), coordenadora do Programa Doutorado Acadêmico para Inovação-DAI (2019-atual), coordenadora do Programa iPodia-Ensino sem Fronteiras em parceria com a USC nos EUA, representante docente no Conselho Universitário (CONSUN) (2015-atual) e coordenadora do Grupo de Pesquisa de Ecossistema de Empreendedorismo Inovador (2018-atual). Atuou como membro do conselho da Fundação Empresa Escola de Engenharia (FEENG), membro do conselho da Fundação Luís Englert (FLE), membro da comissão coordenadora do Programa de Pós-graduação em Engenharia de Produção (PPGEP), membro da comissão coordenadora do Programa de Mestrado Profissional da Engenharia de Produção (PMPEP), membro da comissão coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Construção e Infraestrutura (PPGCI) . Atuou como coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção-PPGEP/UFRGS (2009-2012), como avaliadora da CAPES na área de Engenharias III (2005-2009), membro da Câmara de Pós-graduação da UFRGS (2009-2012), coordenadora do curso de graduação em Engenharia de Produção (2002-2005) e vice-chefe do Departamento em Engenharia de Produção e Transportes DEPROT (2002-2005). É revisora dos periódicos científicos nacionais e internacionais É bolsista produtividade PQ2 do CNPq. Tem experiência na área de Engenharia de Produção com ênfase em Engenharia da Qualidade, atuando principalmente nos seguintes temas: Gestão e Controle da Qualidade; Controle Estatístico de Processos; Metrologia, Projeto de Experimentos (DOE); Pesquisa, Desenvolvimento e Otimização de Produtos e Processos, Inovação Tecnológica, Ecossistemas de Inovação e Ensino de Engenharia. Possui mais de 160 artigos em periódicos publicados e mais de 120 orientações de mestrado e doutorado defendidas.