banner - COBRAMSEG 2022
Voltar

Gestão De Riscos Aplicada A Barragens De Rejeitos

Tipo:

Minicurso

Categoria:

Minicurso

Local:

Presencial 8

Data e hora:

12:30 até 20:30 em 23/08/2022

Horários:

Primeiro bloco: 9:30 às 12:00

Almoço: 12:00 às 13:30

Segundo bloco: 13:30 ás 15:30

Intervalo: 15:30 às 16:00

Terceiro bloco: 16:00 ás 17h30

Objetivo do curso:

O curso será dividido em três partes: i) conceitos gerais e aspectos geotécnicos de barragens de rejeitos; ii) conceitos gerais de análise probabilística e gestão de riscos; e iii) gestão de riscos aplicada a barragens de rejeitos.

Programa:

1. Conceitos Gerais e Aspectos Geotécnicos de Barragens de Rejeitos

- Geração, tipos e técnicas de disposição de rejeitos

- Barragens de rejeitos (construção em etapa única e etapas sucessivas de alteamento)

- Vantagens e desvantagens de diferentes tipos de barragens de rejeito

- Modos de ruptura de barragens por causas geotécnicas (instabilidade, piping e liquefação) e respectivos métodos de análise

2. Conceitos Gerais de Análise Probabilística e Gestão de Riscos

- Abordagens determinística e determinística

- Conceito de falha, probabilidade de falha e confiabilidade

- Métodos de caracterização d variabilidade naturais de parâmetros e carregamentos

- Métodos de avaliação da probabilidade de falha qualitativos e quantitativos (árvores de falhas e de eventos, e métodos probabilísticos)

- Avaliação qualitativa e quantitativa de consequências de eventuais falhas de barragens (estudos de ruptura hipotética, área de inundação, altura de cheia, velocidade e tempo de chegada)

- Diagramação do risco (matriz de risco e gráfico de Farmer)

- Curvas de aceitabilidade e tolerabilidade de risco de falhas em barragens

3. Gestão de Riscos Aplicada a Barragens de Rejeitos

- Exemplo de aplicação da matriz de risco de barragens de rejeito, conforme a legislação

- Exemplo de cálculo de probabilidade de falha, considerando diferentes tipos de falha

- Exemplo de cálculo de consequências de uma eventual falha de uma barragem

- Uso do gráfico de Farmer como forma de gestão de riscos e tomadas de decisão

- Necessidade de um sistema integrado de gestão e comunicação de riscos